Espaço destinado aos relatos críticos de andanças pelos botecos belo-horizontinos, assim como aos pitacos sobre outros lugares quaisquer.
Traduzir para ChinêsGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain

terça-feira, 28 de maio de 2013

Comida di Buteco 2013 - Café Palhares

O evento

O Comida di Buteco é um concurso que teve início no ano 2000, e está em sua 14ª edição. Ao longo do tempo cresceu, angariou patrocinadores e se capitalizou. Espalhou-se por todo o Brasil e, depois de seis anos estipulando ingredientes, desfaz essa prática para a edição de 2014, conforme anunciado no momento da premiação. Ao longo de um mês de evento, que aconteceu de 12 de abril a 12 de maio, este blog percorreu a grande maioria dos bares participantes. Nas postagens referentes a este momento, quando os botecos se encontram fora da sua dinâmica habitual, procuramos dar maior enfoque nos pratos.

O prato

O tradicionalíssimo Café Palhares, que já beira os oitenta anos em atividade, dispensa apresentações para o público belo-horizontino. Pioneiro também no Comida di Buteco, já se sagrou campeão em 2009, e costuma brindar a clientela com pratos interessantes. Na edição de 2013, quando ofereceu o “Prata da casa” (Linguiça artesanal do Palhares, servida com chucrute brasileiro e batatas cozidas. Acompanha mostarda clara e escura) não foi diferente. A boa linguiça que vai no Kaol serve também como um bom petisco, sobretudo se acompanhada pelo chucrute brasileiro, conserva essa que recebe o acréscimo de bacon, e também das duas boas mostardas. Os pães de queijo, ausentes na descrição, permitem ao frequentador montar sanduichinhos, que pela inspiração alemã do “recheio”, caem muito bem com a cerveja em lata (R$ 4,00 a Skol) ou com o chopp Nova Schin (R$ 4,50).


Falando dos demais itens, o ambiente é o mesmo há décadas, com vinte e poucas banquetas muito juntas da bancada. O atendimento no balcão em U, por outro lado, é quase personalizado, e os diminutos banheiros se situam no segundo pavimento.

Encerramos hoje a nossa cobertura do Comida di Buteco 2013, e na próxima semana retornaremos com as resenhas sobre bares novos e tradicionais. O endereço e o horário de funcionamento deste boteco podem ser encontrados aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário