Espaço destinado aos relatos críticos de andanças pelos botecos belo-horizontinos, assim como aos pitacos sobre outros lugares quaisquer.
Traduzir para ChinêsGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Comida di Buteco 2013 - Gabiroba Butiquim

O evento

O Comida di Buteco é um concurso que teve início no ano 2000, e está em sua 14ª edição. Ao longo do tempo cresceu, angariou patrocinadores e se capitalizou. Espalhou-se por todo o Brasil e, há seis anos, obriga os bares a criarem pratos com ingredientes pré-determinados. Entre muitos sabores e alguns dissabores, este blog volta a percorrer os bares participantes, procurando visita-los em dias e horários alternativos para fugir das filas. Nas postagens referentes a este momento daremos maior enfoque nos pratos, até pelos bares se encontrarem fora da sua dinâmica habitual.

O prato

Dentre os oito estreantes, três se localizam na Regional Noroeste, e o Gabiroba Butiquim é um deles. Situado ao final da Avenida Padre Vieira, que por sua vez é continuação da Avenida Ressaca, o bar fica junto à uma praça. Seu ambiente é muito agradável, e em nossa mesa não apenas cadeiras, como também um sofazinho em sua cabeceira, junto ao cercado do boteco. Créditos para o amigo Demétrio, que a escolheu previamente.



Além da boa atmosfera, há que se destacar o atendimento e a temperatura da cerveja (Original a R$ 6,80), ambos satisfatórios. Mas, a exemplo dos bares já visitados anteriormente, levará o seu puxão de orelhas por não comercializar nenhuma das cerveja clássicas, como Brahma ou Antarctica.



Para concorrer no evento, inscreveu-se com o "Komi-keto", que é um combinado de três itens (linguiça de pernil defumada e empanada acompanhada com molho de laranja, mandioca cozida puxada na manteiga de garrafa com carne cozida no molho de vinho). Destaco a linguiça empanada pela criatividade, apesar da execução apenas mediana e a quantidade muito inferior à prometida, e o honesto molho de laranja. A carne cozida não apresentou a mesma qualidade, mas a mandioca puxada na manteiga de garrafa é uma delícia.



Outras informações sobre o bar, como endereço e horário de funcionamento, podem ser encontradas aqui

2 comentários:

  1. Da-lhe Gabiroba! E eu que sempre passei contornando a praça p ir a avenida Ressaca e nem olhava pro lado e ver esse bar.
    Muito agradável mesmo o lugar, passar tardes ali é fácil, e a música ambiente de boa qualidade.
    O Prato é simples, talvez pela inexperiência no festival pecaram na quantidade, no tempero da carne cozida e na linguiça.
    Créditos peça ousadia, eu recomendo o Gabiroba!

    Abçs

    ResponderExcluir
  2. O mesmo acontecia comigo, passava de vez em quando, mas ainda não tinha tomado aquela gelada neste bar. Muito bem observada a presença de música ambiente!

    Abraços!

    ResponderExcluir