Espaço destinado aos relatos críticos de andanças pelos botecos belo-horizontinos, assim como aos pitacos sobre outros lugares quaisquer.
Traduzir para ChinêsGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain

domingo, 11 de março de 2012

Outback - 19/02/2012

Depois de um bom tempo sem comparecer ao Outback, resolvemos voltar ao restaurante em meio ao carnaval belo-horizontino, na franca expectativa de não encontrar as costumeiras filas de espera. E foi exatamente o que nos aconteceu, pois apesar da casa quase tomada, ainda havia uma ou outra mesa a nos aguardar.


Na ocasião chegamos por volta das 21h, e logo após sermos conduzidos à mesa pela hostess, um dos garçons levou-nos a carta de bebidas. Foi um grande susto, devo dizer, me deparar com o Chopp Brahma de 300 ml por R$ 8,25. De outras vezes que estive por lá fora agraciado com uma rodada dupla de bebidas, a qual inexiste neste dia e/ou horário. Com o preço das cervejas long neck orbitando neste mesmo patamar, embarquei nas tais “canecas congeladas" de chopp Brahma, enquanto Vivian bebeu um delicioso suco natural de laranja com morango, que custa R$ 7,00.


Tão logo pedimos as bebidas chegou à mesa um ótimo pão australiano da casa, este quentinho e com o sabor do mel em evidência. Servido em uma tábua e acompanhado de manteiga, trata-se do couvert cortesia da casa.


Dentre chopps e sucos, pediríamos minutos após a Bloomin Onion (R$ 30,00), que é a famosa cebola empanada do Outback. Depois de cortada, temperada e frita inteira, seu aspecto lembra o de uma flor, da qual se retiram as "pétalas" para serem submersas em um ótimo molho que acompanha, por sua vez composto de maionese, catchup e especiarias. Sem dúvidas, uma original e apetitosa entrada, que deve ser inteiramente apreciada quando ainda quente.


Também na escolha do prato principal não inventamos, tendo sido novamente as Ribs on The Barbie (R$ 44,00) nossa escolha. As tais costelas de porco defumadas e grelhadas, regadas ao barbecue e servidas com fritas, constituem hoje um adorado petiscos, sendo encontrado inclusive em vários dos nossos butiquins. Entretanto, reconheço que a receita do Outback, onde recebe ainda a escolta de Cinnamon Apples (espécie de maçã em calda), esteja um pouco à frente das demais.


Para dar conta do batidão frenético a que se propõe o restaurante, uma turma de jovens garçons, bem ao estilo das demais casas do gênero. Apesar do tamanho esforço daquela moçada, fico ainda com o atendimento clássico, em que garçons se impõem com elegância, mostrando um bom conhecimento do seu produto.
 

O ambiente é agradável, com luz baixa sobre as mesas, muitas das quais redondas e apropriadas aos grupos maiores. Todavia estranhei a madeira rescendendo no salão, visto que o restaurante ainda não soprou a sua quarta velinha. O cheiro forte me lembrou, em dados momentos, do quase trintão Canapé Kneipe.


Ao final da brincadeira, cento e duas pratas para o casal, ante os trinta e poucos dispensados pelo amigo que nos acompanhava, o qual não consome bebidas alcóolicas e optou pelo refil de refrigerante (em torno de R$ 7,00). Assim sendo, julgo que o BOM Outback torna-se ainda mais vantajoso aos cocólatras (amantes de coca-cola), pois a este perfil de cliente destaca-se inclusive no quesito custo-benefício.


Notas Pedrão:

Ambiente: 4
Bebida: 4
Comida (peso 2): 4
Público: 4
Serviço: 4
Custo-benefício: 3

Notas Vivian:

Ambiente: 5
Bebida: 4
Comida (peso 2): 4
Público: 5
Serviço: 4
Custo-benefício: 3

Média final: 4 estrelas


 
Outback
Av. Do Contorno, 6061 - Loja 148 - Nível 1 (Pátio Savassi) - São Pedro - Belo Horizonte - MG
Tel: 3288-3763

=============================
Atualizações:
1. Em 2013 os pratos tiveram os seguintes reajustes de preço: a Bloomin Onion foi para R$ 33,50, enquanto as Ribs on the barbie passaram a custar R$ 45,90.

2. Também em 2013, o bar Canapé Kneipe, citado nesta resenha, fechou as portas.
.

2 comentários:

  1. Olha que depois da Bloomin Onion fica difícil descer qualquer outro prato, sem contar que vc lembra dela por pelo menos uns 2 dias...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, meu amigo, a cebola é das grandes! Já o seu sabor eu aprecio bastante!

      Excluir